Governador decreta luto oficial de três dias por vítimas da Covid-19

O Paraná vive uma nova onda de contágio neste mês e o sistema de saúde no Estado está em níveis de alerta, o que impôs, no final de maio, a decretação de medidas mais restritivas de circulação.

Foto: Jonathan Campos/AEN

O governador Carlos Massa Ratinho Junior decretou nesta segunda-feira (7) luto oficial de três dias em todo o Paraná em homenagem às vítimas de Covid-19 que faleceram no Estado. Segundo o boletim epidemiológico atualizado da Secretaria da Saúde, o Paraná soma 27.014 óbitos e 1.115.630 casos confirmados desde o início da pandemia. A bandeira do Paraná ficará a meio mastro no Palácio Iguaçu.

“Sentimos um profundo pesar por todas as vidas perdidas no Paraná em decorrência do coronavírus e lamentamos pela dor sentida por cada familiar e amigo de cada uma das vítimas. Prestamos nossa solidariedade e nossos mais sinceros sentimentos a todos vocês”, afirmou o governador.

O Paraná vive uma nova onda de contágio neste mês e o sistema de saúde no Estado está em níveis de alerta, o que impôs, no final de maio, a decretação de medidas mais restritivas de circulação. “A cepa amazônica do novo coronavírus predomina entre os pacientes contaminados e já detectamos circulação da variante indiana. Por isso, enquanto não alcançamos a imunização de toda a população, precisamos continuar tomando os cuidados necessários para reduzir a transmissão”, pontuou. 

Segundo a Secretaria de Estado da Saúde, o Paraná está com taxa de ocupação de 96% entre as UTIs SUS exclusivas para Covid-19, que totalizam 1.980 leitos em todo o Estado. O boletim epidemiológico aponta que a taxa de transmissão (Rt) no Paraná está em 0,86 – o que significa que 100 infectados transmitem o vírus para outras 86 pessoas, uma taxa ainda considerada alta, mas abaixo do padrão do começo dessa onda.

O secretário de saúde Beto Preto disse que a saída para o fim da pandemia é através da vacinação, e que todos os esforços estão sendo feitos para aplicar as doses recebidas com a maior velocidade possível. Ele destacou o início da imunização da população de 18 a 59 anos em paralelo aos grupos prioritários.

“Nós queremos a vacina no braço dos paranaenses. Novas doses estão chegando e sendo distribuídas em todo o Estado. Contamos com os 399 municípios para aplicar todos os imunizantes disponíveis na população”, endossou. 

Segundo a universidade norte-americana Johns Hopkins, uma das principais referências em estatísticas da pandemia, 3,73 milhões de pessoas faleceram em decorrência da Covid-19 no mundo até esta segunda-feira (7), e mais de 173 milhões foram infectadas pelo vírus. No Brasil, 474.404 pessoas perderam a vida em consequência do coronavírus, e 16.947.062 foram contaminadas.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Next Post

Paraná receberá nesta segunda mais 145.080 vacinas da Pfizer

Este é o maior lote do imunizante já enviado ao Estado. As vacinas da 23ª Pauta de Distribuição chegam ao Aeroporto Internacional Afonso Pena, em São José dos Pinhais, na Região Metropolitana de Curitiba, às 22h15. O Paraná deve receber nesta segunda-feira (7) mais 145.080 doses de vacinas contra a […]